Sabemos que 2016 foi um ano repleto de incríveis filmes com trilhas sonoras incríveis, por isso hoje falarei dos esquecidos do Oscar 2017 que não por isso deixam de ser óptimos.

Quando a Academia de Artes e Ciências Cinematográficas divulga a lista de indicados em 24 categorias no Oscar, sempre há surpresas, desilusões e grandes esquecidos. Entre os nomes que os membros da instituição ter deixado para trás nesta edição 89 do filme mais importante premiação perca especialmente actrizes Amy Adams e Annette Bening e cineasta Martin Scorsese.

A protagonista ruiva de a chegada e animais nocturnos parecia um candidato claro na categoria de melhor actriz. Ela foi nomeada para o Globo de Ouro, Bafta e os críticos elogiaram seu trabalho em ambas as produções. No entanto, não foi capaz de adicionar a sua sexta indicação e alguns já lhe deixaram com a fama de “azarada”. Leonardo DiCaprio que estava com essa má sorte até o ano passado, finalmente a quebrou e ganhou seu primeiro Oscar após cinco indicações.

Animais noturno

Adams, de 42 anos, e uma das atrizes mais populares e aclamadas da temporada, apareceu nas indicações como a melhor artista feminina do filme de ficção científica por Denis Villeneuve, embora a estatueta também poderia ter passado despercebido para a disputa em seu papel de mulher atormentada no segundo filme sobre a direção de Tom Ford.

Em um primeiro momento seu nome apareceu no site oficial do Oscar como uma das cinco indicadas para melhor atriz por a chegada, mas logo depois foi substituída por Ruth Negga. Um erro que foi visto por milhares foi visto por diversos meios de comunicação e que deixou a Amy sem indicação.

Tom Hanks foi também uma vítima do mesmo erro. Os dois – ganhador do Oscar por Forrest Gump e Philadelphia passou por um mau momento depois de ser brevemente indicado para melhor actor por seu papel em Sully, incluindo como o sexto candidato no site do Oscar depois de Casey Affleck, Denzel Washington, Ryan Gosling, Viggo Mortensen e Andrew Garfield. No final, a responsabilidade desse duplo erro foi assumida pela ABC digital empresa no responsável pela comunicação da Academia de Hollywood, que emitiu um comunicado pedindo desculpas aos diferentes meios de comunicação.

Nas categorias de interpretação fizeram falta a magnífica Annette Bening (20th Century Mulheres), Joel Edgerton (Amar), Michael Keaton (fundador), Adam Driver (Paterson), Hugh Grant (Florence Foster Jenkins) e Aaron Taylor-Johnson. Este último levou o Globo de Ouro de melhor ator de apoio por animais noturnos e, em vez optar por Oscar o sempre eficaz Michael Shannon por seu papel de polícia mal no mesmo filme.

Enquanto isso, Martin Scorsese, vencedor do Oscar como melhor diretor por Os infiltrados (2006) viu como sua acadêmica ignorava Silêncio, seu filme religioso estrelado por Andrew Garfield, Adam Driver e Liam Neeson. A única menção que conta é de a melhor fotografia para o mexicano Rodrigo Prieto. Nem seu trabalho por trás da câmera nem seu filme foram recompensados.

Embora não tenha começado com tantas opções como Scorsese, outro cineasta veterano como Clint Eastwood, com dois Oscar de melhor diretor em seu extenso histórico, teve que se contentar com uma única nomeação para Sully. Sua particular homenagem ao pilote de aviação Chesley Sullenberger só terá a opção de melhor edição de som.

Finding Dory

O último dos esquecidos do Oscar 2017 é o filme Finding Dory, da fábrica Disney-Pixar e um dos filmes mais animados e de melhor bilheteria em filmes de animação de 2016 também chamou a atenção por sua ausência.

Claro que há muito mais. Mas e você, qual filme que assistiu e gostou acha que ficou entre os esquecidos do Oscar.